A alfabetização dos filhos é um processo pelo qual os pais costumam ficar bastante ansiosos. A vontade de ver os pequenos escrevendo o próprio nome, começando a ler e aprendendo a se comunicar de maneira não-verbal parece ficar cada vez maior.

Muitas pessoas pensam, de maneira equivocada, que apenas as creches e escolas podem contribuir para esse processo de alfabetização.

A verdade, no entanto, é que os pais são extremamente importantes nessa fase e, por isso, devem aprender a ajudar da melhor maneira possível.

Pensando nisso separamos uma lista de dicas para que vocês, papais e mamães, possam entender as melhores formas de contribuir com a alfabetização dos seus puerinhos.

Que tal conferir?

Leia para o seu filho

A leitura é uma atividade essencial para a alfabetização de qualquer criança. Além de se familiarizarem com a pronúncia de palavras, os pequenos acabam expandindo o vocabulário e aprendendo a diferenciar textos de ilustrações, por exemplo.

Outro ponto importante é que, com o tempo, seu filho perceberá que você lê da esquerda para direita, o que também é importantíssimo nessa fase de aprendizado.

Sendo assim, ler para o seu filho acaba sendo de extrema importância para o processo de alfabetização, além de, é claro, servir como uma momento de qualidade em família.

Caso o seu filho esteja um pouco mais adiantado no processo de alfabetização, incentive-o a ler e desenvolver o gosto pelos livros.

Se você está à procura de sugestões de leitura infantil clique aqui.

Aproveite situações cotidianas

O convívio do dia a dia oferece uma série de oportunidades para incentivar o processo de alfabetização das crianças.

Ao andar na rua, por exemplo, mostre diferentes placas e outdoors e incentive a criança a tentar entendê-los.

Tenha em mente, no entanto, que você deve começar com coisas mais simples e fáceis. Ao encontrar uma placa de trânsito indicando uma curva, por exemplo, pergunte ao seu filho qual é o lado que a placa está indicando. Com o tempo a criança vai aprender a diferenciar esquerda e direita, e assim por diante.

Aproveite rótulos de embalagens

Os rótulos de produtos alimentícios comuns em casa podem ser ótimos aliados no processo de alfabetização.

Isso acontece porque, além de relacionar um nome para um alimento que a criança consome com frequência, os rótulos são escritos na maioria das vezes em caixa alta, que é a primeira forma de escrita que os pequenos compreendem.

Incentive seu filho a ler rótulos de embalagens alimentícias e aprender a associar o nome a cada alimento.

Faça listas com seu filho

Fazer listas é uma das maneiras mais simples de organizar nomes e palavras, portanto, não deixe de tirar proveito disso.

Ao montar uma lista de compras, por exemplo, incentive seu filho a escrever alguns itens. Ao chegar no mercado, peça para ele indicar onde estão os itens que ele escreveu.

Listas de convidados para aniversários também são uma boa opção para incentivar o desenvolvimento da escrita e da leitura.

Sirva de exemplo

Tenha em mente que o maior exemplo que as crianças possuem é o dos pais, por isso, pratique rotineiramente atividades como a leitura e a escrita.

Dessa maneira seu filho tende a se espelhar em você e sentir vontade realizar essas mesmas atividades.

Respeite o ritmo da criança

Muitas vezes os pais acabam sufocando os filhos com atividades relacionadas à alfabetização e, com isso, sobrecarregam os pequenos.

Entenda que cada criança tem o seu ritmo e não cobre o seu filho baseado nas expectativas criadas por outras crianças ou até por você mesmo.

Sendo assim, respeite o tempo do seu puerinho e deixe que ele desenvolva suas habilidades de alfabetização de maneira natural.

Lembre-se: apressar não é ajudar.

Temos certeza que essas dicas serão úteis para que você possa ajudar o seu filho a passar por esse processo de alfabetização.

E aí curtiu?

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *