O Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é um distúrbio neurobiológico extremamente comum, afinal, quem nunca conheceu uma criança com TDAH?

Por ser um problema tão comum, muitas vezes as pessoas tendem a não dar a atenção necessária ao transtorno.

É importante, no entanto, saber lidar com as crianças para minimizar os efeitos do transtorno e evitar que ele cause maiores dificuldades no desenvolvimento dos pequenos.

Pensando nisso, separamos uma lista de dicas para ajudar você que é mãe ou pai de uma criança portadora de TDAH.

Que tal conferir?

Estudos

Os estudos são uma parte da vida das crianças que pode ser afetada pelo TDAH, já que esse transtorno faz com que eles tenham dificuldades para se concentrar e, consequentemente, estudar.

Para minimizar esses efeitos é importante escolher uma escola de confiança e credibilidade que possua profissionais capacitados para lidar com a criança e manter contato com esses professores para acompanhar o que acontece na escola e o desenvolvimento do seu filho no ambiente escolar.

Além disso, atente-se à quantidade de atividades extracurriculares do seu filho e evite sobrecarregá-lo. Por possuir déficit de atenção, cada atividade exige dele mais do que exigiria de outra criança.

Dia a dia

Seja claro e dê instruções diretas e objetivas para a criança. Dessa maneira elá terá mais facilidade em entender o que ela precisa fazer e poderá focar na tarefa que tem pela frente.

Além disso, ensine-a a finalizar as tarefas que começa. É muito comum que crianças com TDAH criem um vício de começar várias atividades ao mesmo tempo e acabam não dando conta de todas.

Criar uma rotina também ajudará a criança a seguir uma série de atividades de maneira consistente, sem perder o foco.

Comportamento

Advirta a criança de maneira construtiva quando for necessário e explique-a qual era o comportamento esperado dela em determinada situação. Além disso, elogie-a imediatamente por bom comportamento, já que isso faz com que ela entenda que as boas atitudes são recompensadas.

Outra boa dica é incentivar a criança a praticar esportes para que ela gaste energia e consiga ficar mais calma e contida em ambientes mais calmos, como a escola.

Ensine seu filho a lidar com conflitos e tomar decisões racionais perante problemas do dia a dia, afinal, ele terá que fazer escolhas como qualquer outra criança. Tenha em mente, é claro, que ela não deve resolver tudo e, em alguns momentos deverá apenas chamar um adulto para cuidar da situação.

Promover brincadeiras com regras também é uma ótima opção para que a criança desenvolva não só a habilidade de se concentrar, mas também a de se adaptar a limites e regras.

Para os pais

Ter sempre tempo para interagir com o seu filho é essencial para que ele se sinta acolhido e compreendido.

Estabeleça cronogramas que envolvam um tempo específico para descanso. Crianças portadoras de TDAH tendem a esgotar as energias mais rápido e, por isso, podem precisar de um cochilo diário ou um simples período de relaxamento.

Além disso, é importante intercalar atividades que exigem muita concentração, como estudos, tarefas e deveres de casa, com atividades leves e prazerosas.

Saiba controlar a sua própria paciência e entender o tempo do seu filho, evitando criar expectativas que não condizem com a realidade. Além disso, saiba que cobrar empenho e vontade de mudar é mais importante que cobrar resultados, afinal, é só através do empenho que a criança aprende a se esforçar para conquistar o que deseja e precisa.

Por último, mas não menos importante, ouça-o. Isso faz com que a relação entre vocês não seja unilateral e cria uma sensação de parceria que beneficia a todos.

Temos certeza que essas dicas vão te ajudar a auxiliar o seu filho não só no processo de educação, mas também em seu desenvolvimento pessoal!

E aí, o que achou das dicas?

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *