No dia a dia não costumamos reparar, mas todas as palavras do nosso vocabulário possuem uma estrutura sonora. O ato de falar nos é tão comum que esses detalhes acabam passando despercebidos. Portanto, acabamos nos esquecendo do quanto falar é uma tarefa complexa.

A habilidade de articular é chamada de consciência fonológica. usar estratégias que facilitem o entendimento das crianças colabora com a alfabetização e a comunicação. Por isso, no post de hoje falaremos sobre como é possível estimular essa consciência nos pequenos. Continue lendo para conferir!

Primeiramente, é importante ressaltarmos que esses estímulos são oferecidos por pedagogos nas escolinhas. Porém, eles podem (e devem) ser iniciados bem antes do pequeno frequentar a escola. Isso porque, o desenvolvimento infantil é favorecido quando os responsáveis estão engajados.

Por isso, uma dica interessante é sempre pegar objetos dos quais está falando e colocá-los perto da criança. Dessa forma, graças à esse apoio visual, ela começará a construir ideias concretas em sua mente.

Como dar estímulos?

É possível aguçar o interesse por sons através do uso de jogos e de músicas com rimas. Um exemplo de canção útil é a do “sapo não lava o pé”. Isso porque, essa musiquinha, á medida em que se repete, alterna as vogais da frase toda. A função estratégica dessa brincadeira é justamente gerar essa consciência fonológica.

As rimas são ótimas ferramentas, pois a maioria das crianças desenvolve mais rapidamente sensibilidade à elas. Dessa forma os pequenos passam a assimilar melhor as semelhanças e diferenças entre as palavrinhas.

Os jogos e as atividades musicais da Pueri Dei despertam e aperfeiçoam todas as habilidades dos puerinhos.

Conheça nossa escola!

Ademais, continue acessando nosso blog diariamente.

Fonte: leiturinha

Imagem: freepik

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *